FacebookYoutubePartilharRSS
Área Reservada
Caminhando

VIII - Trilho entre Mosteiros: Mosteiro de Tibães ao Convento de Vilar de Frades

Sábado, dia 21 de Novembro de 2015, às 7:00 horas junto à Camara Municipal de Gondomar, concentraram-se os AMUT´eiros, para encher o autocarro que nos levou até ao convento de Vilar de Frades.

Já perto do ponto de partida da caminhada, paramos na Pastelaria “Tanto Faz”, para o pequeno-almoço e cafezinho que, juntamente com os primeiros raios solares, nos acordou definitivamente. Contrariamente à previsão da meteorologia, que durante toda a semana anunciava um dia chuvoso – levando os prevenidos, experientes e cuidadosos AMUT´eiros a reforçarem as mochilas com uma muda de roupa e impermeáveis-, o céu pintou-se de azul, contrastando com algumas nuvens e uma temperatura óptima para caminhar, 16 graus.

Após o pequeno-almoço, o autocarro, numa rápida deslocação levou-nos até ao Convento de Frades. Ora, devido à estreiteza da estrada, foi necessário que o nosso enorme veículo entrasse no parque de estacionamento do hospital de doenças mentais, mesmo junto ao convento. À saída, fomos saudados por um grupo de doentes que estavam a passear nos jardins anexos e um desses doentes, de braço dado com umas e outras, acompanhou-nos ao longo da nossa visita, o que contribuiu para um dia mais feliz para ele e mais alegre para todos.

À entrada do convento, esperava-nos o Sr. António, o guia do percurso e da visita ao Mosteiro de Tibães, juntamente com o segurança do convento, o Sr. Ribeiro e que nos guiou pelo belo edifício. O tamanho do convento que, desde 1910, é classificado como Monumento Nacional, contrasta com a sua antiquíssima e proeminente história; de reter, também, o estado de conservação como bom exemplo do tratamento que deveríamos dispensar ao nosso património.

Terminada a visita, juntamo-nos à entrada para a habitual foto de grupo e para receber as instruções do Sr. António para o percurso.

Iniciada a marcha, por entre caminhos próximos do rio Cávado e pequenas intercessões de estradas, lá fomos galgando os cerca de 12 km que nos separavam do final.

O trajecto seguiu por caminhos empedrados e de terra batida, a paisagem exibia-se a cada passo, com as cores características do outono, quantidades apreciáveis de folhas castanhas cobrindo o chão, e o rio espelhava o céu e a vegetação em redor das sua margens, com cascatas de água, com longos campos verdejantes cercados por muros ou pequenos bosques… tudo contribuía para que nos sentíssemos uns privilegiados e felizes viajantes.

Chegados a Tibães, uns dirigiram-se ao autocarro para pegarem no piquenique e instalarem-se no relvado retemperador a almoçar, outros instalaram-se no restaurante para um excelente repasto, tanto no preço como na qualidade.

A visita ao Mosteiro de Tibães aconteceu imediatamente a seguir ao almoço, o que contribuiu para tornar o dia ainda mais memorável. A riqueza artística e grandiosidade deste espaço, a sua arquitetura em conjunção com a empatia do Sr. António Soares, perdurou até ao anoitecer e fez com que muitos tivessem desejado que esta caminhada/visita tivesse acontecido em dia mais longo.

A cobertura fotográfica dos nossos paparazzis permitirá recordar em imagens este maravilhoso dia.

Este foi, sem dúvida, um dia especial! E por isso devemos agradecer ao Sr. Silvério (motorista), ao serviço da pastelaria “Tanto Faz”, ao Sr. Ribeiro (o segurança e guia do convento que teve a amabilidade de entrar uma hora mais cedo para podermos cumprir o nosso horário para o dia), ao serviço da Churrasqueira Martins, e essencialmente ao Sr. António, que desde o primeiro contacto foi incansável para nos ajudar a que tudo fosse perfeito. Por fim, aos nossos queridos e dedicados AMUT´eiros, pelo magnífico grupo de boa gente que são, sabendo acolher e levar alegria por onde quer que passem.

Três ondas gigantes para todos que, de uma forma ou de outra, contribuíram para este registo. Bem hajam!!!

Concluímos o caminho até ao autocarro para regressarmos à Camara Municipal de Gondomar, numa viagem rápida e natural.

O próximo, e último encontro de AMUT´eiros do ano 2015, está previsto para o dia 19 de Dezembro, com uma grandiosa agenda de acontecimentos.